Windows 10: resolva o problema no controle de volume Bluetooth

O Windows 10 1803 trouxe um grande defeito para quem usa dispositivos de áudio Bluetooth. Antes, o sistema e o equipamento de som tinham cada um seu controle independente de volume. Mas tudo isso mudou.

O chamado Controle Absoluto de Volume foi implementado sem que fosse dada uma opção de desativar esse recurso. Assim, tanto o computador quanto o aparelho de som Bluetooth passaram a ter um único gerenciamento.

Os problemas que isso trouxe foram que os equipamentos começaram a se comportar mal e dificultar o ajuste do volume. Assim, mesmo que no Windows o nível estivesse no mais baixo, o fone ou alto-falante estaria com o som nas alturas.

Ou então você poderia aumentar ou diminuir o volume, o slide do Windows se moveria mas a altura do áudio não mudaria. No meu caso, eu só conseguia controlar o volume na própria caixa de som, independente do Windows mostrar o volume no 2 ou no 100.

Outras pessoas tinham problemas do som estar aumentando de 6% em 6%, outros chegando a 20% em 20% e outras situações entre esses dois valores. Controlar o volume de dispositivos Bluetooth se tornou um pesadelo na vida de muitas pessoas.

Em especial aquelas que usam fones de ouvido e que se continuassem desta forma poderiam danificar a audição delas sempre que ligassem os fones com eles na cabeça.

Explicação dos desenvolvedores

No Reddit, um usuário que se identifica como ganesu e que disse trabalhar no desenvolvimento da parte relacionada a Bluetooth do Windows, explicou o que aconteceu. Segundo ele, de fato foi implementado o chamado Controle Absoluto.

Caso o aparelho Bluetooth seja compatível, o controle de volume do Windows vai controlar também o volume do dispositivo como já expliquei. Ganesu diz em sua postagem que a granularidade desse controle fica a cargo do equipamento.

Ao ajustar o volume no Windows, o sistema vai pedir para que o som Bluetooth altere o volume para aquela exata porcentagem entre 0% e 100%. Mas é o próprio aparelho que dá a palavra final sobre qual o volume aplicado ou se vai haver alguma alteração.

Como há uma infinidade de modelos disponíveis, não há padrão nem consenso e tudo isso trouxe os diversos problemas para quem reproduz som sem fios.

Solução 1: Bluetooth Tweaker

Outro usuário do Reddit chamado sarai2 desenvolveu um programa para Windows chamado Bluetooth Tweaker que promete corrigir este e outros problemas (chego já nessa parte) com áudio Bluetooth. Para baixar, visite o site do aplicativo.

Depois de baixar, instalar e reiniciar seu computador, inicie o Bluetooth Tweaker. Em seguida, marque Force Windows not to use this device’s hardware volume control e clique em Apply.

Depois de reiniciar o computador 0utra vez, experimente para ver se o Windows e seu equipamento de som Bluetooth voltaram a ter controle de volume independente e maior granularidade.

Solução 2: editar o Registro do Windows

Se você não está afim de instalar um programa novo ou não confia no desenvolvedor, arregace as mangas e vamos editar o Registro do Windows. Cuidado ao mexer com isso pois não está isento de trazer problemas. Proceda por sua conta e risco.

Tenha a certeza de estar na mais recente versão do Windows antes de continuar. No menu Iniciar, pesquise por regedit e execute. Depois navegue até o seguinte caminho:

HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\ControlSet001\Control\Bluetooth\Audio\AVRCP\CT 

Agora, caso não exista uma entrada chamada DisableAbsoluteVolume, crie uma clicando com o botão direito do mouse sobre uma área em branco. Vá em Novo e depois em DWORD. Se já existir, clique duas vezes e altere o valor de 0 para 1.

Ao reiniciar o computador, o volume do Windows e do dispositivo Bluetooth devem voltar a ser independentes. Foi assim que resolvi o meu problema.

Solução 3: mexer com os drivers Bluetooth

Esta alternativa não é garantida de funcionar para todos. Além de envolver usar versões de driver Bluetooth desatualizadas, poder resultar em BSODs e outras dores de cabeça. Espero que as duas opções anteriores tenham funcionado para você.

Na postagem do Reddit no qual este post se baseia, você encontra links como esse onde um usuário chamado Castorp ensina onde baixar e quais os passos para instalar uma versão específica de driver que deve solucionar o problema.

Há quem diga ainda que desinstalar e reinstalar os drivers Bluetooth também resolveu a questão. Dada a variedade de adaptadores Bluetooth e sistemas de som que usam a tecnologia, pode não funcionar para todos e deve ser uma alternativa de último caso.

Bônus: outros recursos do Bluetooth Tweaker

Além de se propor a resolver o problema do Volume Absoluto no Windows 10, o Bluetooth Tweaker traz outras benesses. Ele tem mais dois recursos que podem ser interessantes para muitas pessoas.

Um dos deles é exibir o codec em uso pela conexão Bluetooth. Se você souber o que isso significa, dá para ver se está tudo funcionando como deveria e se está sendo usado um codec de alta qualidade ou algo mais padrão.

Caso você use programas legados como VLC e Kodi, o Windows pode não passar para eles os comandos que você executar nos botões de controle embutido no aparelho. O mesmo não acontece em apps modernos do Windows 10, que funcionam corretamente.

O Bluetooth Tweaker vai então permitir que os aplicativos legados tenham acesso aos comandos do perfil Bluetooth AVRCP e assim você vai poder ajustar o volume e controlar a reprodução sem problemas.

Bom, por enquanto não há previsão da Microsoft transformar a edição de registro mencionada acima num simples botão nas configurações de áudio. Há meses os desenvolvedores identificados dessa forma no Reddit fazem promessas.

Até que a gigante de Redmond apresente uma solução mais amigável para o problema, o jeito será apelar para as soluções sugeridas aqui. Lembre-se sempre de manter o sistema atualizado e evitar usar drivers antigos. E beba bastante água.

A quem interessar, minha caixinha de som Bluetooth é essa daqui.